BlackBerry Q10

BlackBerry Q10

Houve uma época em que a BlackBerry dominava o mercado corporativo e de comunicação pessoal. Infelizmente, em 2013 esse cenário já não existe mais. Ultimamente, os smartphones da empresa já vêm sendo considerados os dinossauros do mundo da tecnologia. A situação da empresa é ruim: eles perderam cerca de 500 milhões de dólares no último trimestre. Se continuarem assim, podem estar sem nada ao final do ano que vem, já que os investimentos da empresa são de $2.6 bilhões.

Entretanto, a empresa não está pronta para sair do mercado ainda. Financeiramente, a BlackBerry chamou a atenção do público em outubro deste ano, quando a maioria dos jornais anunciaram que a empresa seria vendida para o Facebook ou se tornaria uma empresa privada. Agora a empresa já mostra um aumento de vendas de 15% no final do último trimestre do ano, e também um aumento de 13% na quantidade de unidades de smartphones movidas. A maior razão para este aumento é o sistema operacional BlackBerry 10, que substituiu vários telefones de clientes e fãs aficionados pela marca. Atualmente, a Blackberry está tentando algo que a Wal-Mart já fez: pegar novos consumidores com telefones “de graça”. O cliente faz um contrato de 1 ou 2 anos com companhias telefônicas como AT&T e Verizon e paga apenas $1 pelo aparelho. É uma ideia bem arriscada, pois apesar de ganhar a atenção de muitas pessoas, também faz com que a BlackBerry seja considerada só mais uma marca de smartphone, e não um competidor a nível da Apple, por exemplo.

 

Promessas para 2014

 Em 2014, a BlackBerry pretende recuperar as perdas recentes com vários upgrades que foram divulgados em seu portfolio. Eles pretendem focar mais na segurança, qualidade que deixou a empresa famosa no mundo corporativo, e que pode se provar um diferencial: segundo nossa fonte, um site especializado em providenciar opções para o internauta comum baixar antivírus grátis, 55% de todos os smartphones estão infectados com algum malware. A empresa também está apostando em seus novos modelos de smartphone: Z10 touchscreen, Q10 e o que está prestes a ser lançado, Q5. Além disso, a BlackBerry prometeu lançar produtos com mais frequência, para não ter smartphones ultrapassados por muito tempo no mercado como estava acontecendo.